Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Os Comediantes

We mustn’t complain too much of being comedians—it’s an honourable profession. If only we could be good ones the world might gain at least a sense of style. We have failed—that’s all. We are bad comedians, we aren’t bad men.

Os Comediantes

We mustn’t complain too much of being comedians—it’s an honourable profession. If only we could be good ones the world might gain at least a sense of style. We have failed—that’s all. We are bad comedians, we aren’t bad men.

Mr. Brown

foto do autor

Comentários recentes

  • twitter

    Até fui lá espreitar ao twitter.Não passam de umas...

  • Mr. Brown

    Não é amuo. É mudança de vida. :)

  • Izhar Perlman

    Por favor, ajude-me a trazer esta petição para a a...

  • E esse amuo?

    E esse amuo? Continua?

  • Twitter

    E esse Twitter?A passarinhar?Você ficou mesmo amua...

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds

-

ver dados

Que se lixe Marcelo

Provavelmente, pela forma como geriu o dossier autárquicas em Lisboa e deixou António Costa ter um resultado memorável, até lixou as eleições de Marcelo que sonha com as presidenciais. Passos tem muito defeitos e faz muitas asneiras - algumas escolhas de candidatos nestas autárquicas que tiveram o seu dedo comprovam-no -, mas a forma como durante a campanha autárquica preferiu colocar a sua função de primeiro-ministro acima da de líder do PSD - é essa a minha leitura e tenho um exemplo para justificá-la aqui -, é merecedora de elogio.

Centro de Emprego

O Centro de Emprego conhecido por PSD, sob a liderança de Passos Coelho, ontem, perdeu valor. Muitos "empregos" perdidos ou em risco de se perderem, com consequente perda de capacidade para arranjar colocação rápida para os novos candidatos à procura de "emprego". Deter São Bento ainda garante alguma capacidade de colocação - nota: atenção a possíveis nomeações num futuro próximo -, mas já se percebeu que será sol de pouca dura. Quem ainda tem "emprego", contudo, fará tudo por tudo para agarrar-se ao que tem - nota: serão poucos os actuais deputados do PSD que contam permanecer por lá depois de novas eleições -, por outro lado, como em tudo, quem tem curriculum e carreira para mostrar tem maior capacidade de escolha e de poder decidisório sobre o seu futuro. Rui Rio está desempregado. Para onde quererá Rio enviar curriculum á procura de emprego?

Nos destroços da vitória histórica do PS

Quase menos 250 mil votos que em 2009. Menos câmaras ganhas com maioria absoluta do que em 2009. Só não percebe quem não quer.

 

Adenda: o PS, muito provavelmente, após a última freguesia que falta apurar - Vila Praia de Âncora em Caminha -, conseguirá igualar o número de maiorias absolutas que terá este ano com as que teve em 2009. O que não deixa de continuar a ser elucidativo. Outra facto elucidativo: o número de mandatos ganhos pelo PS em 2009 foi de 921 em 2078; neste momento, faltando atribuir meros 5 mandatos, o PS leva 919 mandatos ganhos em 2081.

Cartão vermelho ao analista

Só faltava responsabilizar as eleições de ontem pelo segundo resgate. A sério, não tenho pachorra para este tipo de análises. Não é por causa das eleições autárquicas que o Governo passará propriamente a ter dificuldades em fazer reformas: já as tinha. Não é por causa das eleições autárquicas que o Governo ficará dividido: já estava. Não é por causa das eleições autárquicas que o discurso da oposição se "radicalizará": já o era. Não é por causa das eleições autárquicas que podemos ter um segundo resgate: é por tudo o que fizeram ou ficou por fazer nos últimos dois anos. Não é a partir destas eleições autárquicas que o Governo perde a maioria absoluta na AR: coisa que Guterres, em 2001, não tinha. Se há "pântano", este é anterior às eleições autárquicas. Dirão: as eleições agravam tudo. Agravam muito pouco e, por outro lado, voltam a lembrar o motivo pelo qual Cavaco Silva não está interessado em eleições legislativas antecipadas e quer evitá-las a todo o custo: o PS estará ainda longe da maioria absoluta. E é isso, sobretudo isso, a cola que tem vindo a aguentar este Governo de há muito tempo a esta parte.

Impressões finais

15. Não tive uma noite eleitoral perfeita. Basilio Horta ganhou Sintra numa eleição muito disputada. Mas para fim de festa dá o mote para o apuramento do vencedor final: o PS tem mais votos e mais câmaras. Ganhou. Sem discussão, ainda que tal vitória deva-se, sobretudo, a ter sido menos penalizado - que também o foi - do que o PSD. Mas, para que conste, não tão grande vitória quanto o grafismo do DN/JN a esta hora dá a entender (ali nos «outros partidos» estão as coligações do PSD e do CDS, mas a análise séria dos números fica para amanhã):


16. Para terminar por hoje, o orgulho de Oeiras: Apoiantes de Isaltino festejam junto à prisão da Carregueira.

Terceiras impressões

10. Se o PS contava fazer uma grande festa, equivocou-se. Não existindo alteração da tendência, entre outras coisas, ficará com menor percentagem e menos votos do que em 2009. Arrisca mesmo, no total, a obter menos votos do que os dois partidos do Governo somados.

11. Nulos e brancos dispararam para mais do dobro. Representarão, nestas eleições, mais de 6% dos eleitores votantes.

12. O CDS, além da ligação à vitória de Rui Moreira, ganha, pelo menos, em 5 autarquias e tem direito à sua mini-festa.

13. Mantenho que Seguro tem caminho aberto para Primeiro-Ministro, mas quem pensava fazer destas eleições uma antecâmara para o pedido de eleições antecipadas, estará muito desiludido.

14. Às dez da noite, na TVI, o acompanhamento dos resultados dos candidatos autárquicos foi substituido pela apresentação dos candidatos à Casa dos Segredos.

Segundas impressões

7. A CDU é, inegavelmente, uma das grandes vencedoras da noite. Entre outras coisas, tira Beja e Évora ao PS o que, por si só, é logo um extraordinário resultado.

8. O BE se quase não existia a nível autárquico, vira uma nulidade. Perde a única câmara que tinha para o PS e deverá ter menos votos do que em 2009.

9. Menezismo derrotado; Mesquitismo derrotado; e Jardinismo a dar o berro. Na Madeira, acabou o absolutismo de Jardim.

Pág. 1/10

Mr. Brown

foto do autor

Comentários recentes

  • twitter

    Até fui lá espreitar ao twitter.Não passam de umas...

  • Mr. Brown

    Não é amuo. É mudança de vida. :)

  • Izhar Perlman

    Por favor, ajude-me a trazer esta petição para a a...

  • E esse amuo?

    E esse amuo? Continua?

  • Twitter

    E esse Twitter?A passarinhar?Você ficou mesmo amua...

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds

-

ver dados