Comprar o crescimento

 

It is appealing to imagine that there is a lovely painless alternative to austerity in Europe, if only the stubborn politicians would choose to follow it.

 

Nota: sobre o que vai acontecer aos gregos já nem quero pensar; o caso do crescimento económico japonês é o que se conhece; e os italianos conseguiram a proeza de na última década, em 180 países analisados, no que toca ao crescimento económico ficarem no segundo lugar a contar do fim - acompanhados neste pódio indesejável pelo Haiti e por.... Portugal.

publicado por Mr. Brown às 12:40 | link do post | comentar