Doença sem cura

Se basta fazer cair este Governo e aplicar uma política milagrosa, não me perguntem qual, para o desemprego começar a baixar; os salários a subir; o défice passar a superavit; a dívida diminuir; o crescimento aparecer em força; quiçá, para voltar a colocar em cima da mesa os projectos do aeroporto e da alta velocidade; ah, o progresso!; estamos à espera do quê? Meu caro Passos Coelho, assim que te derem um pretexto, demite-te, não percas mais tempo, entrega o país a outro pateta. Depois, os comediantes do costume passarão a culpar outro pateta que não tu pela ausência da política milagrosa. A culpa, evidentemente, nunca será dessa tal política que eles vendem, de forma mais ou menos deliberada, ser mera ficção. Mas deixa lá isso Passos, a verdade é que também foste para o poder vendendo ilusões e já diz o povo: «quem com ferros mata, com ferros morre». Ao menos, sairás com a consciência tranquila de quem tentou, ou foi forçado a, resolver os problemas do país e não de quem os agravou deliberadamente, como foi o caso de quem te antecedeu. Por falar em quem deliberadamente agravou os problemas do país: PS ao poder tão cedo quanto possível, para já no orçamento de 2014 retrocederem todas as medidas impopulares a que os socialistas se tem oposto, aumento da carga fiscal incluída - ou será que não será nada disto e um PS no poder manterá praticamente intactas, para não falar em agravamento das mesmas, as medidas levadas a cabo por este Governo? Ah, o que me vou divertir! Garantido é que imune ao que quer que aconteça no futuro, os comediantes continuarão a ter o seu espaço e a mandar bitaites por tudo quanto é órgão de comunicação social. A SIC agora, assisti ontem mesmo no jornal da noite, até já exibe orgulhosamente Baptista da Silva como o burlão por eles desmascarado. Não há remédio.

Mr. Brown às 02:00 | link do post | comentar | favorito