Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Os Comediantes

We mustn’t complain too much of being comedians—it’s an honourable profession. If only we could be good ones the world might gain at least a sense of style. We have failed—that’s all. We are bad comedians, we aren’t bad men.

Os Comediantes

We mustn’t complain too much of being comedians—it’s an honourable profession. If only we could be good ones the world might gain at least a sense of style. We have failed—that’s all. We are bad comedians, we aren’t bad men.

Mr. Brown

foto do autor

Comentários recentes

  • twitter

    Até fui lá espreitar ao twitter.Não passam de umas...

  • Mr. Brown

    Não é amuo. É mudança de vida. :)

  • Izhar Perlman

    Por favor, ajude-me a trazer esta petição para a a...

  • E esse amuo?

    E esse amuo? Continua?

  • Twitter

    E esse Twitter?A passarinhar?Você ficou mesmo amua...

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds

-

Mobilidade laboral

Estados Unidos

Taxa de desemprego: 9%

Estados com maior desemprego: Nevada com 13,4% e California com 11,7%

 

Zona Euro

Taxa de desemprego: 10,3%

Países com maior desemprego: Espanha com 22,8% e Grécia com 18,3%

 

Ou como a falta de mobilidade laboral é um entrave ao bom funcionamento da zona euro. Se existisse uma base comum muito forte entre os povos da zona euro, os fluxos migratórios entre paises membros seriam maiores e fariam se sentir na redução das taxas de desemprego dos países em maiores dificuldades. Não há. Nada melhor do que tapar os olhos a esta realidade e defender o federalismo como a solução para os nossos problemas. Não será.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Mr. Brown 01.12.2011

    "se o problema é agravado por aspectos como a língua"
    sim, mas é esse mesmo o ponto: o facto de não existir uma língua comum, por exemplo, é um entrave a maiores migrações na Europa. Também por isso, a ideia de criar uns Estados Unidos da Europa é totalmente descabida, embora à boleia da crise das dívidas soberanas e da zona euro pareça-me que é exactamente nesse sentido que alguns nos querem pôr a caminhar. Mas se muitos de nós ficam ofendidos com a sugestão de que os nossos jovens devem emigrar para outros países, alguma vez podemos considerar que estamos preparados para um projecto federal à escala europeia ou para um qualquer nível de integração muito maior do que o actual? Não. As fronteiras nacionais ainda contam muito e está equivocado quem pensa que pode acabar com elas sem provocar reacções populares muito fortes.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mr. Brown

    foto do autor

    Comentários recentes

    • twitter

      Até fui lá espreitar ao twitter.Não passam de umas...

    • Mr. Brown

      Não é amuo. É mudança de vida. :)

    • Izhar Perlman

      Por favor, ajude-me a trazer esta petição para a a...

    • E esse amuo?

      E esse amuo? Continua?

    • Twitter

      E esse Twitter?A passarinhar?Você ficou mesmo amua...

    Arquivo

    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2014
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2013
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2012
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2011
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2010
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D

    subscrever feeds

    -