Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Os Comediantes

We mustn’t complain too much of being comedians—it’s an honourable profession. If only we could be good ones the world might gain at least a sense of style. We have failed—that’s all. We are bad comedians, we aren’t bad men.

Os Comediantes

We mustn’t complain too much of being comedians—it’s an honourable profession. If only we could be good ones the world might gain at least a sense of style. We have failed—that’s all. We are bad comedians, we aren’t bad men.

Mr. Brown

foto do autor

Comentários recentes

  • twitter

    Até fui lá espreitar ao twitter.Não passam de umas...

  • Mr. Brown

    Não é amuo. É mudança de vida. :)

  • Izhar Perlman

    Por favor, ajude-me a trazer esta petição para a a...

  • E esse amuo?

    E esse amuo? Continua?

  • Twitter

    E esse Twitter?A passarinhar?Você ficou mesmo amua...

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
-

Calimero e falta de vergonha na cara

A forma algo politiqueira como o Governo geriu o dossier das swaps tinha tudo para se virar contra o próprio Governo. E virou. Só que o fundo da questão mantém-se, embora esta poucos discutam. Nunca interessou discutir. Este senhor, que pulou do governo para a Ongoing e agora aufere uma bela remuneração na Galp, até virou vitima, coitadinho, pois diz-se alvo de «graves e inaceitáveis» acusações reveladoras de «uma atitude que em vez de discutir ideias, valores e projectos, pretende fazer ataques de carácter, difamatórios e atentatórios do bom nome e da honra cujo respeito todas as pessoas merecem». Acrescente-se que o senhor em questão acusa o actual Executivo de ter demorado muito tempo para se decidir sobre swaps e o homem até tinha uma solução muito melhor que a do actual Governo. A isto, meus caros, chama-se uma grandessíssima lata. Mas este recurso à mistura de calimero e falta de vergonha na cara sei bem com quem aprendeu: com o sujeito que hoje comenta a destruição do país que ele próprio arrasou. Os pobres coitados dos contribuintes tiveram um azar dos diabos: pelo que se lê e ouve, em 2011, anos após alguns dos contratos swap mais especulativos terem sido celebrados - vejam bem que há um que vem do tempo do governo de Durão Barroso - a dulpa Costa Pina/Teixeira dos Santos, aparentemente, estava prontinha para nos resolver o problema criado bem debaixo das suas barbas e que, até então, nunca tinha revelado grande vontade de resolver (se é que não os incentivaram, como suspeito). Mas sabem, é um pouco assim em tudo: as parcerias público-privadas foi no tempo do Álvaro que apareceram que nem cogumelos; as rendas garantidas no sector energético foi no tempo do Álvaro que foram concedidas como se não houvesse amanhã; havia uma muito melhor solução para a reprivatização do BPN que a adoptada pela Maria Luís e até já duvido se não foi Vítor Gaspar a nacionalizar o banco; enfim, o défice, público e externo, e a dívida, pública e externa, foi um problema criado por Gaspar; e há até quem garanta que os juros da dívida pública não tinham passado dos 7% antes do chumbo do PEC4. Estávamos tão bem com o anterior governo.

Mr. Brown

foto do autor

Comentários recentes

  • twitter

    Até fui lá espreitar ao twitter.Não passam de umas...

  • Mr. Brown

    Não é amuo. É mudança de vida. :)

  • Izhar Perlman

    Por favor, ajude-me a trazer esta petição para a a...

  • E esse amuo?

    E esse amuo? Continua?

  • Twitter

    E esse Twitter?A passarinhar?Você ficou mesmo amua...

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
-